quarta-feira, 18 de março de 2015

Resenha #1: O Lado Mais Sombrio - A.G. Howard

Eaí povo, firmeza? Essa é minha primeira resenha aqui no Meu Mundo Em Páginas, espero que vocês gostem, rs.

Sinopse: Alyssa Gardner ouve os pensamentos das plantas e animais. Por enquanto ela consegue esconder as alucinações, mas já conhece o seu destino: terminará num sanatório como sua mãe. A insanidade faz parte da família desde que a sua tataravó, Alice Liddell, falava a Lewis Carroll sobre os seus estranhos sonhos, inspirando-o a escrever o clássico Alice no País das Maravilhas.Mas talvez ela não seja louca. E talvez as histórias de Carroll não sejam tão fantasiosas quanto possam parecer. Para quebrar a maldição da loucura na família, Alyssa precisa entrar na toca do coelho e consertar alguns erros cometidos no País das Maravilhas, um lugar repleto de seres estranhos com intenções não reveladas. Alyssa leva consigo o seu amigo da vida real – o superprotetor Jeb –, mas, assim que a jornada começa, ela se vê dividida entre a sensatez deste e a magia perigosa e encantadora de Morfeu, o seu guia no País das Maravilhas.Ninguém é o que parece no País das Maravilhas. Nem mesmo Alyssa...                                                               
                                                                  Resenha 

         Ninguém sai ileso do País das Maravilhas, tenham isso em mente ao pegar O Lado Mais Sombrio.
  
        Depois de ler muitas resenhas positivas sobre esse livro resolvi comprá-lo na Black Friday, minhas expectativas não estavam tão altas, mas fui surpreendido ao encontrar uma fantasia bem escrita e envolvente, havia momentos em que eu ficava extremamente ansioso para saber o que vinha a seguir e não consegui desgrudar do livro até chegar a última página.         
         O livro conta a história de Alyssa, uma estudante do ensino médio um tanto quanto incomum, diga-se de passagem, ela é uma descendente da Alice (ela mesma, a do País das Maravilhas), Alyssa vive apenas com seu Pai, pois sua Mãe
Alison assim como todas as outras mulheres de sua família acabaram em um sanatório, e devo dizer que esse é um dos maiores medos de nossa personagem principal, acabar louca. Alyssa não quer admitir para si mesma, mas assim como sua mãe ela começou a ouvir e entender o que as flores e os insetos falam. Como meio de calar os insetos ela os captura e faz estranhas obras de arte com eles, e mais estranho ainda é o mundo que essas obras relatam.                
          
Como se não pudesse ficar pior, Alyssa tem uma queda por Jeb, seu amigo de infância, que namora Taelor, inimiga de Alyssa e grande causadora de seus sofrimentos durante o Ensino Fundamental, Taelor descobriu que Alyssa era descendente de Alice e fez disso motivo de chacota perante toda a escola. Taelor é extremamente irritante e fútil, o que nos faz questionar o motivo pelo qual Jeb a namora.           
           E se o mundo de Alyssa já não era dos melhores, eis que ela descobre que toda essa história de loucura de sua mãe pode ser mais sombria e perigosa do que parece ser, e assim ela é arrastada ao País das Maravilhas (que não é tão maravilhoso, mas sim perigoso), para tentar concertar os "erros" cometidos por sua Mãe e quebrar a maldição a qual as mulheres de sua família foi sentenciada, só que sem querer ela também arrasta Jeb para esse submundo de incertezas.
                         
          Ao chegar a esse lugar "Maravilhoso", Alyssa se depara com
Morfeu, um estranho e sedutor (não acho, u.u) intra terreno (uma especie de humano do submundo) que ela tem a sensação de conhecer, esse ser acaba a colocando sobre ela um pano de incertezas sobre seu amor, seu futuro e no que ela acredita, além de exercer nela um certo "fascínio".         
          A.G. Howard foi brilhante ao nos inserir em um País das Maravilhas com seres perversos, e de dar medo. O foco do livro não é nem de perto o terror, porém cheguei a senti-lo em vários momentos. E se por acaso você está se perguntando se O Gato "Risonho", a Lagarta e o Chapeleiro Maluco dão as caras no livro, fique tranquilo porque SIM, outra personagem que também será de extrema importância é a Rainha de Copas. Fantasia e Aventura são coisas que há de sobra nessa obra inteligentemente escrita.

                                                              MINHA OPINIÃO  
      
Esse livro mexeu comigo de diversas maneiras, primeiro pelo tamanho da surpresa que ele me causou, não esperava uma coisa tão bem elaborada, foi amor desde as primeiras páginas. Segundo porque a ação não tem fim, as vezes nem tempo de respirar você tem perante tantos acontecimentos bombásticos, Alyssa é surpreendida a cada instante com uma nova descoberta.
    A única coisa que me incomodou foi Morfeu ficar o tempo inteiro cercando-a( deixa a moça em paz -_-), ele não tem escrúpulos mas é extremamente importante para a trama.
    Enfim, é um livro que você vai terminar de ler e passar vários dias pensando nele e no quanto ele é bom e surpreendente.
    A capa é linda e a diagramação está melhor ainda, só esperava mais relevos e não uma capa totalmente lisa, mas mesmo assim dou a nota máxima a ela por me transmitir tudo o que a história é!
   É isso, tomara que vocês tenham curtido a resenha, e ficaria muito feliz se vocês também embarcassem no mundo da Alyssa. :)

      O livro faz parte de uma Trilogia e já tem continuação publicada aqui no Brasil

  

  

Obs: Nas próximas resenhas eu colocarei as fotos dos livros físicos, Abraço :3. 

     
     

       

5 comentários:

Cada comentário ajuda o Blog a crescer cada vez mais. Obrigado por nos visitar.